Envie seu whats:
(54) 99673-0977


VARIEDADES

Dia dos Avós: especialistas afirmam que convivência com netos faz bem para as duas geraçõesDia dos Avós: especialistas afirmam que convivência com netos faz bem para as duas gerações

Publicado em 26/07/2019, Por G1

No dia 26 de julho é comemorado o Dia dos Avós no Brasil. Com o aumento da longevidade da população, a família brasileira tem vivido um novo relacionamento com pais dos pais, afirmam os especialistas.

Aquela imagem de avós velhinhos já não é mais tão comum assim. Muitas vezes, os avós ainda estão na faixa dos 40 ou 50 anos e praticam esportes, trabalham, namoram e participam ativamente da vida dos filhos e dos netos.

Famílias com três ou até quatro gerações convivem e, segundo a doutora em psicologia clínica e cultura, Vanessa Cardoso, isso faz muito bem.

"Os benefícios de uma convivência intensa entre avós e netos são para as duas gerações."

Conforme Vanessa, "os avós criam um senso de continuidade geracional e para as crianças é uma forma de diminuir os preconceitos com a velhice e aprender que elas não são o centro do universo".

 

'Avoternidade'

Psicólogos acreditam que são incontáveis os efeitos positivos da "avoternidade". O termo, usado pela especialista em inteligência relacional Thirza Reis, serve para nomear a nova relação familiar dos avós onde, segundo ela, "há uma ressignificação do amor".

"Os avós trazem segurança, apoio e ensinamentos que somente os mais velhos podem oferecer aos pequenos da família", explica a especialista. Para ela, os avôs e avós podem ser a referência de afeto e acolhimento para as crianças.

"Eles vivem uma paternidade e maternidade em outro nível, sem as cobranças sociais de não poder errar."

Para o idoso, o convívio frequente com os netos resulta em uma melhor qualidade de vida. "Fisicamente eles se sentem mais ativos. Também se preocupam com a saúde para que possam garantir o acompanhamento do crescimento das crianças", completa a psicóloga.

 

Tempo de novas famílias

O mundo vive um momento social com novas configurações familiares e a longevidade muda antigos papéis. Segundo a doutora em psicologia clínica e cultura Vanessa Cardoso, o ponto positivo é que os pais – que são a geração do meio – podem sentir mais segurança sabendo que os filhos estão com pessoas que os amam.

"O convívio com os avós traz maior auto estima e confiança para as crianças."

Por outro lado, a especialista chama a atenção para um "efeito colateral" dessa disponibilidade. Segundo a psicóloga, é preciso evitar "uma infantilização da paternidade".

"A geração do meio deve assumir o seu lugar para que os relacionamentos sejam saudáveis", alerta.

 

Origem do Dia dos Avós

O Dia Mundial dos Avós é celebrado em 26 de julho em homenagem à Santa Ana e São Joaquim. Os pais da Virgem Maria – avós de Jesus Cristo – são considerados os padroeiros de todos os avós pela Igreja Católica.

No dia 26 de julho de 1584, os avós de Jesus Cristo foram canonizados pelo Papa Gregório VIII canonizou. Por isso, a escolha da data para a celebração.




Compartilhar: FACEBOOK

Podcasts

Ver + ENTREVISTA JCI Sananduva
ENTREVISTA LEO Clube Sananduva
Programa Passa a Bola Programa dia 12 de Outubro